Aprenda 5 molhos incríveis para acompanhar sua carne

Aprenda 5 molhos incríveis para acompanhar sua carne

Aprenda 5 molhos incríveis para acompanhar sua carne

Um bom corte de carne precisa de um molho a altura para acompanhar. Que tal aprender 5 agora mesmo e sair da mesmice?

Não tem como negar que uma boa carne merece um molho incrível, não é? Aquele corte macio, suculento, no ponto que você gosta e um molho bem gostoso. É pura felicidade, fica até difícil descrever. Por isso, o Caseratto, especialista em carnes, te mostra 5 receitas de excelentes molhos para você variar sempre e deixar sua carne mais deliciosa ainda.

 

MOLHO DE VINHO TINTO

Concentrado, de sabor forte e potente. Ideal para ocasiões mais sofisticadas e harmonizar com a bebida.

Para fazer o molho de vinho tinto você só precisa de:

  • 3 xícaras de vinho tinto seco;
  • 1 dente de alho;
  • 1 cebola;
  • 2 colheres de sopa de manteiga;
  • Sal e pimenta a gosto.

Para preparar, é só refogar o alho e a cebola na manteiga, acrescentar o vinho e deixar reduzir por pelo menos 30 minutos para que perca o álcool. Tempere com sal e pimenta.

 



MOLHO DE VINHO DO PORTO

Muito suave e com um toque adocicado.

Para preparar o molho de vinho do porto, você precisa de:

  • 3 colheres de sopa de manteiga;
  • 1 xícara de caldo de vegetais;
  • 1 xícara de vinho do porto;
  • 1 colher de sopa de farinha de trigo;
  • Sal e pimenta a gosto.

Adicione a manteiga e a farinha, misture bem e cozinhe por 1 minuto, acrescente o caldo de vegetais e vá misturando sempre, em seguida, acrescente o vinho do porto e deixe reduzir por alguns minutos.

 

MOLHO QUEIJO GRANA PADANO

Delicioso, com sabores complexos e deixa qualquer um com água na boca.

Para preparar o molho de queijo grana padano, você precisa de:

  • 2 colheres de sopa de manteiga;
  • 2 colheres de sopa de farinha de trigo;
  • 2 xícaras de leite integral;
  • 150 gramas de queijo grana padano ralado;
  • Sal e pimenta à gosto.

Cozinhe a manteiga com a farinha de trigo até ficar homogêneo, acrescente o leite morno aos poucos mexendo bem até formar um molho bechamel. Em seguida acrescente o queijo grana padano ralado e tempere com sal e pimenta à gosto.

 

MOLHO DE QUEIJO GORGONZOLA

Um molho coringa, para preparações pensadas em dividir com a turma toda.

Para preparar o molho de queijo gorgonzola, você precisa de:

  • 2 colheres de sopa de manteiga;
  • 2 colheres de sopa de farinha de trigo;
  • 2 xícaras de leite integral;
  • 200 gramas de queijo gorgonzola cortado em cubos;
  • Sal e pimenta à gosto.

Cozinhe a manteiga com a farinha de trigo até ficar homogêneo, acrescente o leite morno aos poucos mexendo bem até formar um molho bechamel. Em seguida acrescente o queijo gorgonzola e misture bem até que fique completamente incorporado ao molho, em seguida tempere com sal e pimenta à gosto.

 

MOLHO ORIENTAL

Um toque oriental deixa a carne diferente e muito saborosa.

Para preparar o molho oriental, você precisa de:

  • 1 colher de sopa de açúcar demerara ou mascavo;
  • 1 dente de alho;
  • 0,5 cm de gengibre ralado;
  • Suco de 1 limão;
  • 2 colheres de sopa de olho de gergelim ou azeite de oliva;
  • 4 colheres de sopa de shoyu;
  • Sal e pimenta à gosto.

Doure o alho e o gengibre no óleo de gergelim e acrescente o açúcar, o suco de limão e o shoyu. Deixe reduzir até ficar na consistência desejada e tempere com sal e pimenta.

Viu só, várias ideias de molho para você variar e deixar qualquer corte de carne muito mais gostoso, ideais para você curtir um jantarzinho ou receber os amigos. E não esquece de passar no Caseratto que carne é com a gente mesmo. Cortes nobres, molhos incríveis e tudo no ponto certo. Vem se surpreender

Assine para receber novidades: promoções, datas especiais, drinks novos e dicas.

UNIDADE MARISTA: R. 1132, 755 - St. Marista, Goiânia - GO, 74180-110

UNIDADE PASSEIO DAS ÁGUAS SHOPPING: Av. Perimetral Norte, 8303, Goiânia - GO, 74445-360

CNPJ: 22.068.490/0001-09
Razão Social: MENDONCA E GARCIA COMERCIO DE PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA

Motivos para não parar de comer carne vermelha

Motivos para não parar de comer carne vermelha

Motivos para não parar de comer carne vermelha

A carne vermelha causa muito burburinho, alguns amam, outros odeiam. Decidimos então, dar alguns motivos para não parar de comer a tão aclamada carne vermelha.

Alguns decidem por restrições alimentares ou estilo de vida, não consumir carne vermelha que é amada ou odiada por muitos. Você pode apenas não gostar, não querer ou não poder consumir, contudo ela traz muitos benefícios. Principalmente quando é de origem controlada e de qualidade. Sendo assim, listamos alguns motivos para você não parar de comer carne.

O primeiro e mais óbvio motivo, é o gosto pessoal, se você gosta de carnes e não tem nenhuma restrição médica pode consumir sem medo. Uma boa peça de carne, de origem saudável, traz nutrientes e faz muito bem para o organismo.

A carne é uma excelente fonte de proteínas com alto valor biológico, apresentam aminoácidos que não são produzidos pelo organismo. E as proteínas animais são melhores absorvidas quando comparadas às proteínas vegetais. Além disso, o consumo de carne vermelha magra, pode ser saudável para o coração da mesma maneira que a carne branca, segundo pesquisa publicada no American Journal of Clinical Nutrition. Foi constatado que quando há um consumo controlado de gordura saturada o índice de colesterol pode diminuir.



Carne vermelha pode ajudar a reduzir o colesterol

A quantidade de colesterol e gordura saturada estão relacionadas com o desenvolvimento de doenças cardiovasculares, nesse quesito a carne vermelha se dá bem pela sua variedade de opções, é só escolher uma que tenha uma quantidade menor como: coxão mole, filé mignon e patinho, considerados cortes magros.

A carne também fornece ferro e vitamina B-12, fundamentais para o bom funcionamento do corpo humano. A vitamina B-12 é a responsável pela manutenção do sistema nervoso central e das células do sangue. Além disso a carne vermelha é a principal fonte dessa vitamina, já que ela não está presente em vegetais.

A carne vermelha é muito versátil, pode ser preparada de várias maneiras e usada como componente principal de vários pratos e ainda possui uma infinita possibilidade de acompanhamentos tornando uma refeição num verdadeiro espetáculo, é só usar a criatividade.

E se bateu aquela vontade de comer uma boa carne, o Caseratto é a pedida ideal. Especialista em carnes nobres com a qualidade Beef Bistrô, opção é o que não falta. Dá vontade de experimentar tudo, não dá pra resistir, né?

Assine para receber novidades: promoções, datas especiais, drinks novos e dicas.

UNIDADE MARISTA: R. 1132, 755 - St. Marista, Goiânia - GO, 74180-110

UNIDADE PASSEIO DAS ÁGUAS SHOPPING: Av. Perimetral Norte, 8303, Goiânia - GO, 74445-360

CNPJ: 22.068.490/0001-09
Razão Social: MENDONCA E GARCIA COMERCIO DE PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA

Aprenda a escolher a carne para a receita perfeita

Aprenda a escolher a carne para a receita perfeita

Aprenda a escolher a carne para a receita perfeita

Aprenda a escolher a carne para a receita perfeita

 

Não é fácil escolher e preparar os variados cortes bovinos oferecidos, um produto de confiança e qualidade reflete no resultado final de uma receita. Aprenda agora como escolher uma peça de carne e qual é o corte ideal para deixar sua receita perfeita.

Uma boa carne bovina é preferência nacional, e algumas dicas são importantíssimas no momento da escolha da carne e do corte, para verificar qual é adequado para a sua receita. Nem todo corte de carne bovina pode ir diretamente para a chapa e alguns requerem muito, mais muito cuidado no momento do preparo.

Primeiramente é preciso encontrar um lugar de confiança para fazer a compra, é de extrema importância cuidar para que a carne seja de qualidade, tendo em vista que isso faz muita diferença no resultado final, qualidade é tudo. Verifique coloração da carne, ela deve estar totalmente vermelha, isso demonstra que ela está macia e fresca, além disso, ela precisa ter uma camada saudável de gordura.

No ato do preparo sempre use uma faca adequada para cortar a carne, nada de faca com serras. O corte deve ser feito contra as fibras, garantindo um corte macio desde o pré-preparo. Um corte pode ser: assado, refogado, grelhado, cozido ou frito. A maciez e o ponto perfeito dependem do corte escolhido para a receita, cada um exige um preparo específico. Acompanhe alguns cortes e a maneira correta para preparar cada um.



Dicas para escolher e preparar o corte bovino perfeito

 

Chateaubriand: é uma generosa porção de filé, com aproximadamente 5 a 8 cm de altura, servido com uma crosta bem feita e maciez interna incomparável, pesa em média 350 a 400g. Este corte é uma especialidade francesa. Para preparar o chateaubriand recomenda-se selar a peça em uma frigideira com manteiga e terminar o cozimento no forno, um corte de aproximadamente 350g leva 10 minutos para ficar ao ponto, bem rosada por dentro e muito suculenta e 15 minutos para uma peça bem passada internamente.

Tournedor: é um corte Francês, feito com filé mignon, tem metade de um chateaubriand, com 200 a 250g de carne. Também recomenda-se selar a peça em uma frigideira bem quente com algum tipo de gordura por aproximadamente 3 minutos de cada lado para um corte ao ponto, bem rosado, caso prefira a opção bem passada abafe com uma tampa que o vapor termina o cozimento.

Medalhões: tem em torno 90 a 120g e seu corte é redondo bem simétrico, o preparo exige a selagem por poucos minutos para alcançar o ponto ideal, é um corte para preparos rápidos.

Ojo de bife: é feito normalmente com contrafilé, considerado um corte nobre, é perfeitamente esculpido em forma de círculo, retirada toda a capa de gordura que fica em volta e tem 2 dedos de espessura. Para prepara-lo leve a peça para uma grelha a uma distância de 10cm das brasas, e vire a peça apenas uma vez durante 15 minutos para atingir o ponto ideal do corte, sirva em fatias grossas.

Cortes mais populares

 

Escalope: é um bife de fatias finas, média 60 a 70g com o corte no sentido transversal das fibras. O perfeito bife acebolado é feito com ele. Recomenda-se selar rapidamente os escalopes e não virar muito durante o preparo para que o suco se mantenha dentro da carne.

Bife à rolê: é aquele fino bife enrolado, que pode ser recheado com bacon, legumes e uma infinita variedade de opções.

Corte oriental: são os cubos bem pequenos, ideal para aquele picadinho.

Emincé: são pedacinhos ou tiras de cortes de carne, muito usados em strogonoff. Uma boa dica é aproveitar o que sobra dos cortes maiores pra fazer esse.

T-Bone: é retirado do centro do filé mignon e final do contra filé. É separado pela espinha dorsal do boi, o que possibilita em um único pedaço, dois sabores distintos. Além de ser muito difícil atingir o ponto ideal nos dois lados que estão presentes em um único corte. Recomenda-se preparar o T-Bone com poucos ingredientes para manter a nobreza e o sabor do corte.

Bife Ancho: é retirado do espinhal dorsal do lado da cervical do boi. É composto por duas carnes: o lado externo: mais suculento e macio e a parte interna: mais volumosa e também saborosa. Prepare a peça na frigideira com manteiga para aumentar a suculência e criar crosta.

Fraldinha: tradição já conhecida em termos de sabor, a fraldinha é retirada da parte entre o traseiro e a costela do Boi. Ideal para churrascos.

Aqui no Caseratto, todos os cortes são do parceiro Beef Bistrô. Nossa certificação de confiança e qualidade para pratos surpreendentes. Vem pro Caseratto e entenda o que é um Steakhouse de responsa.

Assine para receber novidades: promoções, datas especiais, drinks novos e dicas.

UNIDADE MARISTA: R. 1132, 755 - St. Marista, Goiânia - GO, 74180-110

UNIDADE PASSEIO DAS ÁGUAS SHOPPING: Av. Perimetral Norte, 8303, Goiânia - GO, 74445-360

CNPJ: 22.068.490/0001-09
Razão Social: MENDONCA E GARCIA COMERCIO DE PRODUTOS ALIMENTICIOS LTDA

Pin It on Pinterest